crise redes sociais comportamento sociedade

Você já reparou em quantas fotos de piquenique, momentos no parque, pessoas praticando yoga, almoços em família, etc, são postadas todo dia nas redes sociais? E já parou para pensar de onde esse comportamento surgiu?

Essa fuga começou com a busca do bem estar e, com ela, veio o cuidado com o corpo, a mente e o espírito.

Fuga só nas redes sociais?

instagram-8

Não! Os sinais do novo estilo de vida das pessoas não estão só nos posts em redes sociais, mas também em outros comportamentos. Mesmo nas tendências de decoração, conseguimos ver isso refletido no uso da madeira e de cores como azul, violeta e tons bebês na decoração (pois trazem calma, esperança e equilíbrio).

Também vemos isso, por exemplo, na forma de relacionamento entre vizinhos – como o projeto Vizinho Solidário, que tem o intuito de criar uma rede que se ajude. Até na gastronomia observamos menus mais home made, com temperos e receitas da vovó ou, ainda, com produtos orgânicos, naturais e um pouco distantes das opções mais gourmet.

Simplicidade é a nova palavra de ordem

vida mais simples

Todos esses sinais apontam para um novo ciclo que estamos vivendo. Já passamos por uma época em que o poder de compra estava no auge e nós aderíamos a tudo que era lançado no mercado (principalmente novas tecnologias), querendo sempre mais.

Além disso, nunca se viu tantas possibilidades e opções, principalmente para os jovens: são oportunidades de trabalho no exterior, flexibilidade no horário e local de trabalho, intercâmbio para estudos. Você já deve até ter ouvido dos seus pais algumas vezes: “na minha época não era assim, não tínhamos tantas opções”.

Com todo esse mood de que quase tudo é possível e na internet encontramos de tudo, chegamos a um certo esgotamento diante desse turbilhão de informação e possibilidades.

Por isso, as pessoas começaram a buscar uma forma de fugir dessa loucura do acesso a tudo o tempo todo, dessa ansiedade pelo novo, por saber tudo e por ter tudo. Começaram a buscar a simplicidade.

E a crise?

tumblr_mi4ke8F6k61s4fs9po1_500 (1)

Para agravar ainda mais as preocupações, veio a recessão econômica, com pessoas e empresas entrando em pânico por causa das finanças. Estamos vivendo uma crise que os Estados Unidos e Europa também atravessaram há pouco tempo. As duas potências sobreviveram, mas não sem uma mudança nos seus comportamentos de consumo. No Brasil, não está sendo diferente.

A crise traz insegurança, medo, nos faz repensar e buscar simplicidade para nossas vidas. Dá para perceber como os brasileiros têm buscado consumir, por exemplo, o lazer de outra forma, fazendo encontros na casa de amigos ao invés de jantar fora ou buscando aliar atividade física ao lazer (já que é mais barato do que ir para a academia).

Vemos uma crescente busca por terapias alternativas, yoga e atividades ao ar livre, que não apenas mudam nossos corpos, mas relaxam as nossas mentes.

Em resumo:

Nesse novo cenário de recessão, percebemos que o equilíbrio do corpo e mente traz uma busca pela simplicidade na vida, no dia-a-dia, em valorizar pequenos momentos e gentilezas.

Além de refletir o consumo de uma forma um pouco mais consciente, uma vida mais tranquila nos faz entender a origem do produto, seus processos e, principalmente, nos ensina a consumir coisas e a ter experiências que tragam significado.

E você, tem levado uma vida mais simples?

Para aprender a identificar tendências como essas e usá-las como estratégia, dá uma olhada aqui.